Thursday, February 22, 2024

O candidato pró-Bitcoin, Javier Milei, será o próximo presidente da Argentina após sua vitória no segundo turno das eleições de domingo (19). Segundo dados da Bloomberg , Milei obteve 56% dos votos contra 44% do rival Sergio Massa, que atua como ministro da economia no governo atual da coalizão peronista do país; Massa concedeu a derrota com 99% das cédulas contadas.

Anunciando a “reconstrução da Argentina”, Milei prometeu que “não há espaço para medidas graduais”, preparando-se para enfrentar os desafios de uma taxa de inflação em espiral e um rápido declínio no valor da moeda do país, o peso.

A plataforma de Milei inclui medidas de terapia de choque, como “eliminar o banco central”, cortar os gastos públicos em 15% e abandonar o peso em favor do dólar dos Estados Unidos.

Após a eleição, Milei assumirá o cargo em 10 de dezembro.

Milei e o Bitcoin

Conhecido por suas opiniões libertárias rígidas e sua exuberante cabeleira, o Milei de 53 anos primeiro ganhou fama como comentarista econômico antes de ser eleito para o congresso em 2021 por seu partido Libertad Avanza (Liberdade Avança).

Formado em Economia pela Universidade de Belgrano e com dois mestrados, Milei tem passagens por diversas empresas, inclusive o banco HSBC, e é adepto da chamada escola econômica austríaca – que defende o livre comércio e a não intervenção do governo na economia – e do libertarismo.

Durante a campanha presidencial, o autodenominado anarco-capitalista passou a brandir uma motosserra em comícios para ilustrar seu compromisso com a redução dos gastos estatais. Entre as políticas que ele propôs estão um mercado livre para a venda de armas de fogo e órgãos humanos, e a revogação da legalização do aborto no país em 2020.

Milei é um grande defensor do Bitcoin , descrevendo a criptomoeda como “o retorno do dinheiro ao seu criador original, o setor privado”

Embora Milei tenha manifestado apoio ao Bitcoin, a criptomoeda não está incluída em suas propostas de políticas. Ao contrário de El Salvador , que adotou o Bitcoin como moeda de curso legal, Milei concentrou sua atenção na dolarização da economia argentina até 2025, numa tentativa de conter o “câncer da inflação”.

Polêmica envolvendo pirâmide

Em setembro do ano passado, Milei foi intimado a responder na justiça sua relação com a empresa CoinX, acusada de atuar como uma pirâmide financeira com criptomoedas e outros ativos na Argentina

No ano anterior, antes das denúncias, o parlamentar compartilhou uma foto com um dos fundadores da companhia, dizendo para as pessoas que a CoinX contava com os melhores especialistas em criptoativos. Ele sempre negou qualquer associação com a empresa.

Em junho junho de 2022, a Comissão Nacional de Valores (CNV), órgão que regula o mercado de capitais na Argentina, emitiu um stop order para CoinX World , explicando que a medida era para proteger o investidor, haja vista que as ofertas de investimentos com promessa de retornos mensais não tinham aval da entidade.

* Traduzido e editado com autorização do Decrypt .

Quer desvendar os mistérios do Bitcoin? Adquira “O Livro de Satoshi”, um compilado de escritos e insights de Satoshi Nakamoto

O post Quem é Javier Milei? O novo presidente bitcoiner da Argentina apareceu primeiro em Portal do Bitcoin .

Check out our other content

Check out other tags:

Most Popular Articles